Selos do Brasil
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

+2
H Roberto
FRITZEN
6 participantes

Ir para baixo

o que acha da emissão dos 200 ANOS DO MANIFESTO PAULISTA ?

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_lcap0%BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_rcap 0% 
[ 0 ]
BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_lcap7%BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_rcap 7% 
[ 1 ]
BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_lcap50%BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_rcap 50% 
[ 7 ]
BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_lcap36%BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_rcap 36% 
[ 5 ]
BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_lcap7%BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Vote_rcap 7% 
[ 1 ]
 
Total dos votos : 14
 

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por FRITZEN Qua Set 08 2021, 13:28

200 ANOS DO MANIFESTO PAULISTA (Cota – artigo 9º da Portaria Nº 2.014/2021/MCOM)

Peças: 01 selo

Primeiro Dia de Circulação: 08 de setembro

Local de Lançamento: São Paulo/SP


BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Bicent17

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Bicent16
FRITZEN
FRITZEN

Localização : florianópolis
Data de inscrição : 24/08/2011

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por FRITZEN Qua Set 08 2021, 13:29

Bicentenário do Manifesto Paulista: a carta de José Bonifácio que levou Dom Pedro I à manifestação do Fico
Publicado em 8 de setembro de 2021

Texto de Gercilio Cavalcante de Assis


BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Bicent18


Em 24 de dezembro de 2021, completam-se exatos 200 anos de emissão de um dos documentos que nos ajuda a entender os intricados rumos do Brasil em direção à emancipação política de Portugal, que ficou posteriormente conhecido como Manifesto Paulista. Trata-se da carta escrita por José Bonifácio de Andrada e Silva em 24 de dezembro de 1821, na condição de vice-presidente da então Província de São Paulo e personagem influente nos fatos que determinaram a autonomia brasileira.

No ofício, dirigindo-se a Dom Pedro I, José Bonifácio expõe-lhe o estado irremediável em que se encontram as relações entre os dois lados do Atlântico. Se, até pouco tempo antes, muitos homens da política eram favoráveis à continuidade com Portugal, a partir daquele momento o desenrolar das reuniões das Cortes em Lisboa revelavam que o Brasil poderia perder sua posição privilegiada no espectro político em favor do território português. Até então, o domínio americano ocupava a privilegiada posição de sede do Reino de Portugal, Brasil e Algarves, decretado em 1815 por Dom João VI, elevando-o ao nível da metrópole europeia. Por isso, o vice-presidente paulista pede ao Príncipe, em tom acalorado, que permaneça no país para, assim, evitar um possível o desmembramento territorial da América portuguesa. José Bonifácio chegou a aventar até a possibilidade de haver derramamento de sangue com a partida do regente.

O trecho abaixo da carta, reproduzindo a grafia e a pontuação da época, dá a exata dimensão do estado de aflição de Bonifácio diante das recentes exigências das Cortes de Lisboa, movimento reformista derivado da Revolução Liberal do Porto, de 1820, que buscava, entre outros objetivos, reconquistar a centralidade do território português, então limitada devido à condição do Brasil como centro do Reino de Portugal, Brasil e Algarves, e que, para atingir tal objetivo, exigiam o retorno de Dom Pedro:

“Sim, Augusto Senhor, é impossível que os habitantes do Brasil, que forem honrados, e se prezarem de ser homens, e mormente os Paulistas, possam jamais consentir em taes absurdos e despotismos: sim Augusto Senhor, Vossa Altesa Real deve ficar no Brasil, quaesquer que sejam os projectos das Cortes Constituintes, não só para nosso bem geral, mas até para a independência e prosperidade futura do mesmô Portugal. Se V. A. R. estiver (o que não é crivei) pelo deslumbrado e indecoroso Decreto de 29 de Setembro, além de perder para o Mundo a dignidade de homem, e de Príncipe, tornando-se escravo de um pequeno numero de desorganizadores, terá também que responder, perante o Céo, do rio de sangue, que de çerto vai correr pelo Brasil com a sua ausência; pois seus Povos, quaes tigres raivosos, acordarão de certo do somno amadornado, em que o velho Despotismo os tinha sepultado, e em que a astucia de um novo Machiavelismo Constitucional os pretende agora conservar.”

Dias após o ofício chegar-lhe às mãos, em 9 de janeiro de 1822, o Príncipe Regente, em desafio às imposições das Cortes de Lisboa, dirige-se ao povo concentrado em frente ao Paço Real, no Rio de Janeiro, para anunciar sua permanência no Brasil, na manifestação do Fico. Não há consenso entre os historiadores sobre os dizeres exatos do príncipe naquele momento, por haver divergências nos relatos, mas, em variadas pesquisas e obras, são atribuídas a ele as célebres palavras: “Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, estou pronto! Digam ao povo que fico”.

O Dia do Fico, como o episódio entrou para a História, foi uma das decorrências das tensões entre Brasil e Portugal e essencial para compreender a complexidade do movimento de Independência. Se, no período da Revolução do Porto, muitas figuras políticas do Brasil apoiavam a instalação de uma Monarquia Constitucional e a continuidade com Portugal, a partir daquele momento, opta-se por uma outra via, de ruptura. A Independência, portanto, foi criada no calor do momento, sendo que a continuidade também era uma possibilidade.

Também denominada “Representação Paulista” ou “Deputação Paulista”, o manifesto idealizado por José Bonifácio teve ainda entre seus signatários seu irmão mais novo, o conselheiro Martim Francisco Ribeiro de Andrada; o presidente da província de São Paulo, João Carlos Augusto de Oeynhausen; e o brigadeiro Manoel Rodrigues Jordão, entre outros nomes, e foi aprovado por todo o gabinete do governo paulista de então numa sessão solene realizada naquele emblemático 24 de dezembro de 1821.

Embora o bicentenário do documento ocorra somente em dezembro, devido à sua relevância histórica – e por estar relacionado aos elementos propulsores da Independência do Brasil – os Correios estão lançando em 8 de setembro um selo comemorativo dedicado ao referido manuscrito chancelado pelo Patriarca da Independência, epíteto perpétuo ao qual José Bonifácio é atribuído por seu incontestável protagonismo nos episódios do rompimento dos laços da nação com Portugal.

Outro motivo da escolha da data da emissão é que 8 de setembro de 2021 é o primeiro dia do Bicentenário da Independência do Brasil.

A peça filatélica foi elaborada em estreita colaboração do Centro de Preparação de Oficiais da Reserva e Colégio Militar de São Paulo (CPOR/CMSP). A instituição é afeita à figura de José Bonifácio especialmente por situar-se na antiga sede da Fazenda Santana, inserida no que é hoje o bairro de Santana, na zona norte da capital paulista, e onde, naquele longínquo 1821, foi abrigo residencial do Patriarca da Independência e de seu irmão Martim Francisco Ribeiro de Andrada. Naquela morada, já demolida e modificada no decorrer do tempo por seus diversos usos até tornar-se o aquartelamento do CPOR/CMSP, foi delineada a citada declaração endereçada a Dom Pedro de Alcântara.

Tamanho sentimento de afeição da entidade militar a um dos personagens da gênese do Brasil como nação levou o Comando do Exército Brasileiro a outorgar ao CPOR/CMSP, em 17 de maio de 2004, a denominação histórica de “Centro Solar dos Andradas”.

As imagens do conjunto iconográfico que ilustram o selo comemorativo contemplam parte da edificação do pátio interno do CPOR/CMSP, alcunhado “Pátio Patriarca da Independência”, e do busto da escultura batizada “A Entrega do Manifesto Paulista” (disposta em primeiro plano), de autoria do artista plástico Claudio Antonio Callia, que foi concebida e produzida neste ano. Na parte superior da peça filatélica, foi inserida ainda a assinatura de José Bonifácio, de modo a enriquecer o quadro pictórico. A presente emissão pelos Correios é uma forma de a Filatelia legar uma justa homenagem e reconhecimento ao protagonista do Manifesto Paulista.

Bibliografia:

OLIVEIRA, Hilton Meliande. “A Independência do Brasil”. Disponível em: <https://bndigital.bn.gov.br/dossies/rede-da-memoria-virtual-brasileira/politica/a-independencia-do-brasil/>Acesso em: (31/08/2021)

SALOMÃO, Ivan Colangelo. “O patriarca para além da Independência: as ideias político-econômicas de José Bonifácio de Andrada e Silva”. Disponível em: <https://www.unifal-mg.edu.br/ppgeconomia/wp-content/uploads/sites/23/2018/10/Texto-para-leitura-Salom%C3%A3o_2018.pdf>  Acesso em: (31/08/2021)

Typographia Brasil, de Rothschild & Cia. “Cartas de D. Pedro, Príncipe Regente do Brasil, a seu pae, D. João VI, Rei de Portugal (1821-1822) – Edição preparada por Eugenio Egas”. Disponível em Acesso em: <https://digital.bbm.usp.br/mwg-internal/de5fs23hu73ds/progress?id=ZElH3HHU-N7qSjIX5SXGMRrBNQpR925qaogxixOEVQU,>(30/08/2021)

“Independência do Brasil”. Disponível em: <https://www.historiadomundo.com.br/idade-contemporanea/independencia-brasil.htm> Acesso em: (31/08/2021)






https://blog.correios.com.br/filatelia/?p=44656
FRITZEN
FRITZEN

Localização : florianópolis
Data de inscrição : 24/08/2011

H Roberto gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por H Roberto Qua Set 08 2021, 13:46

Votado bom
H Roberto
H Roberto

Idade : 72
Localização : Santa Maria - RS - Brasil
Data de inscrição : 22/02/2012

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por José Paulo Braida Lopes Qua Set 08 2021, 14:24

Votado: BOM

_________________
José Paulo
Coleciono selos do tema PONTES, VIADUTOS e AQUEDUTOS
José Paulo Braida Lopes
José Paulo Braida Lopes

Idade : 69
Localização : Juiz de Fora - Minas Gerais
Data de inscrição : 24/07/2015

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por FRITZEN Qui Set 09 2021, 09:15

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Edital14
BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Edital15
FRITZEN
FRITZEN

Localização : florianópolis
Data de inscrição : 24/08/2011

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por zod100 Qui Set 09 2021, 19:41

Regular para mim.

_________________
Coleciono: Alemanha, Itália, Croácia, Noruega, Finlândia, Dinamarca, Espanha, Rússia Antiga, Tunísia, Nepal, Sri Lanka, Índia, Canadá, Chile, Equador, Brasil
Temas: Carimbos do Império do Brasil, Cogumelos, Trens, Borboletas, Rosas, Mercosul e Tema Europa(mint)
zod100
zod100

Idade : 54
Localização : Resende/RJ
Data de inscrição : 17/02/2008

https://selosdobrasil.forumeiros.com

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por odilo Qui Set 09 2021, 21:46

Votado.

_________________
Romeu Odilo
Caixa Postal, 6541
Agência Trindade
Florianópolis - SC
88036-972
Coleciono países: Brasil, Alemanha (tudo), Suíça, Argentina, Portugal e USA. Série: Machins . Continuo juntando material para uma coleção sobre meios de transportes. Recente: Um país um selo. Futuro: Recortes de história postal. Reino dos Sérvios, Croatas e Slavos (1918-1929).
odilo
odilo

Idade : 79
Localização : Florianópolis - SC
Data de inscrição : 20/02/2008

https://sites.google.com/site/procurandoselo/home

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por Antonio C. Pulsy Sex Set 10 2021, 06:38

Prezados,

votado.

Antonio C. Pulsy
Antonio C. Pulsy

Idade : 65
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por FRITZEN Sab Set 11 2021, 05:05

votado
FRITZEN
FRITZEN

Localização : florianópolis
Data de inscrição : 24/08/2011

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por FRITZEN Dom Set 12 2021, 11:55

Tataranetos de José Bonifácio e Dom Pedro II prestigiam lançamento de selo comemorativo
10 de setembro de 2021


Os Correios lançaram, na manhã desta sexta-feira (10), em São Paulo, a emissão comemorativa “Bicentenário do Manifesto Paulista”. A peça faz alusão à carta de José Bonifácio, datada de 24 de dezembro de 1821, que influenciou Dom Pedro I a permanecer no Brasil, fato que culminou com o episódio do Dia do Fico, em 9º de janeiro de 1822.

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Lanzam10
José Marcos Gomes, dos Correios, e Graziela Ribeiro de Andrada. Foto: Luis Antonio Figueiredo


Conduzido pelo superintendente estadual dos Correios de São Paulo Metropolitana, José Marcos Gomes, o lançamento contou com a participação de dois tataranetos de José Bonifácio: Graziela Ribeiro de Andrada e o deputado federal por Minas Gerais, Lafayette Luiz Doorgal de Andrada. Também participou do evento Dom Bertrand de Orleans e Bragança, tataraneto de Dom Pedro II.

A solenidade aconteceu no Centro de Preparação de Oficiais da Reserva e Colégio Militar de São Paulo, no bairro de Santana, zona norte da capital paulista. Foi nesse local que José Bonifácio redigiu a carta ao Príncipe Regente.

As demais obliterações foram realizadas pelo general de Divisão Jorge Cardoso Martins, comandante da 2ª Região Militar; pelo comandante do Centro de Preparação de Oficiais da Reserva e Colégio Militar de São Paulo, coronel Maurício Máximo de Andrade, e pelo artista plástico Claudio Callia, autor da escultura “A Entrega do Manifesto Paulista”, que também foi inaugurada após a cerimônia filatélica.

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Lanzam11
José Marcos Gomes e Dom Bertrand de Orleans e Bragança. Foto: Luis Antonio Figueiredo


“Nós esperamos que este selo, por onde quer que circule, no Brasil e no mundo, contribua em muito – e perpetuamente – para difundir a importância desse relevante documento histórico e desse grande homem”, afirmou o superintende estadual dos Correios José Marcos Gomes, em seu discurso.

Esta é mais uma emissão dos Correios que coloca o Patriarca da Independência em destaque. Anteriormente, em 2008, foi lançada uma folha de selos em homenagem aos heróis nacionais inscritos no Livro de Aço, que recebeu o nome de José Bonifácio em 2007.

E em 2019, foi colocado em circulação um selo comemorativo para assinalar o “Bicentenário do Retorno de José Bonifácio ao Brasil”. A emissão faz parte da série “Brasil, 200 Anos de Independência”, iniciada em 2017 e que se estende até 2022, cuja proposta é narrar em selos fatos e personagens históricos que marcaram a Independência brasileira.




https://saladeimprensa.correios.com.br/arquivos/4004
FRITZEN
FRITZEN

Localização : florianópolis
Data de inscrição : 24/08/2011

Ir para o topo Ir para baixo

BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA Empty Re: BICENTENARIO DO MANIFESTO PAULISTA

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos