Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Página 10 de 15 Anterior  1 ... 6 ... 9, 10, 11 ... 15  Seguinte

Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Dom 29 Jul 2018, 22:28

Prezados,

A história de Paranaguá é um conjunto de acontecimentos relacionados ao passado parnanguara. Denominada pelos índios carijós como "Pernagoa" ("Grande Mar Redondo") que evoluiu para "Pernaguá", "Parnaguá" e, definitivamente, Paranaguá, a colonização desta região do Paraná teve início, aproximadamente, em 1550, primeiramente na Ilha da Cotinga e movida por interesse na extração de ouro, que se dizia abundante na região. Vinte anos depois, o paulista Domingos Peneda liderou a chegada dos pioneiros que conquistaram o território habitado pelos índios carijós, onde foram construídas as primeiras habitações deste novo povoado. Neste período foi iniciado o processo de comércio entre os portos de Paranaguá, Rio de Janeiro e Santos. Posteriormente, os espanhóis tomaram a região e a renomearam "Baya de la Corona de Castilha". O Capitão Provedor Gabriel de Lara chega em Paranaguá com sua família em 1640, retomando a região o domínio da coroa portuguesa, após a morte dos Felipes da Espanha. A extração de ouro pelos "faiscadores" é intensa neste período. Em 29 de julho 1644 se transforma na Vila de Nossa Senhora do Rosário de Paranaguá. Em 1660 se torna uma Capitania e foi elevada à condição de cidade em 5 de fevereiro de 1842. Em 1880, é fundado o Porto de Paranaguá. Nesta data, Paranaguá/PR esta comemorando 374 anos.





avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Dom 29 Jul 2018, 22:51

Prezados,

A origem de Porto Ferreira, aponta para o início dos anos de 1860. Nas margens do rio Moji-Guaçu, inicialmente pelas proximidades do Ribeirão dos Patos e, em seguida, transferida para próximo da foz do rio Corrente, exerceu atividade, a Balsa que efetuava a travessia de passageiros e mercadorias. O responsável por este porto fluvial, foi o Balseiro João Inácio Ferreira, o qual, emprestou seu nome à cidade que futuramente se formou, Porto Ferreira. Em 1870, o mineiro Vicente José de Araújo, acompanhado da família, comprou terras nas margens do córrego do Amaros, instalando uma serraria movida pela força daquelas águas, razão pela qual, o córrego, mais tarde, passou a ser denominado Serra D'Àgua. A origem de Porto Ferreira, encontra assim, duas teorias básicas divididas entre seus historiadores: a que aponta um nascimento espontâneo pela ação de fatores que acabaram gerando a necessidade de criar um lugarejo neste local, dentre os quais, a atividade do próprio Balseiro João Ferreira; e a outra corrente, que outorga a Vicente José de Araújo, o mérito pelo surgimento do município. Em qualquer uma delas, é certo que a Balsa foi a semente de Porto Ferreira, cidade que germinou, no entanto, com a chegada da estrada de ferro, oficialmente inaugurada em 15 de Janeiro de 1880, pela Companhia Paulista de Vias Férreas e Fluviais, com o firme propósito de atravessar o Mogi Guaçu e atingir a rica e florescente região de Ribeirão Preto, onde abocanharia rendoso frete pelo transporte de sua produção cafeeira. Este propósito, no entanto, por força de circunstâncias da época, a Companhia Paulista resolveu atingir através da atividade da navegação fluvial no Mogi Guaçu, até sua confluência com o Rio Pardo, o que fez de Porto Ferreira, um importante entreposto hidro-ferroviário, grande responsável pelo povoamento e consequente florescimento do município. Criada pela Lei Provincial nº 3 de 9 de fevereiro de 1888, subordinada a Descalvado. Com a denominação genérica de Distrito de Paz, Porto Ferreira foi desanexado de Descalvado e passou a pertencer ao município de Pirassununga pela Lei Estadual nº 110 de 1 de outubro de 1892. As primeiras divisas de Porto Ferreira foram estabelecidas pelo Decreto n.º 183 de 29 de maio de 1891. Porto Ferreira conseguiu sua emancipação político-administrativa pela Lei Estadual n.º 424 de 29 de julho de 1896, sendo o novo município, solenemente instalado no dia 25 de dezembro do mesmo ano. Criada pela Lei n.º 5285 de 29 de dezembro de 1958, foi instalada a Comarca no dia 19 de outubro de 1963. Nesta data, Porto Ferreira/SP esta comemorando 122 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por H Roberto em Dom 29 Jul 2018, 23:25

19 de julho  também é o aniversário do município de Concórdia/SC
[img]DSC03096 by H Roberto, no Flickr[/img]
avatar
H Roberto

Idade : 69
Localização : Santa Maria - RS - Brasil
Data de inscrição : 22/02/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por H Roberto em Dom 29 Jul 2018, 23:37

[img]DSC03103 by H Roberto, no Flickr[/img]
avatar
H Roberto

Idade : 69
Localização : Santa Maria - RS - Brasil
Data de inscrição : 22/02/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Seg 30 Jul 2018, 10:15

Prezados,

Os primeiros ocupantes conhecidos da região do atual município foram os índios charruas e minuanos. Em seguida, vieram jesuítas espanhóis, depois ao longo do século XIX vieram imigrantes portugueses e italianos. Em 1810, a instabilidade política que levaria à independência das colônias espanholas na Bacia Platina motivou a vinda de tropas portuguesas para a região, com a finalidade de resguardar a fronteira luso-espanhola. Essas tropas, comandadas por Diogo de Sousa, Conde de Rio Pardo, deram início à atual cidade de Sant'Ana do Livramento, através da construção de uma capela dedicada à santa homônima. A povoação portuguesa permanente da região, iniciou-se com a doação de sesmarias feitas pelo Marquês de Alegrete, em 1814. Fundada a cidade em 30 de julho de 1823, foi elevada à categoria de município em 1857, emancipando-se de Alegrete. Sant'Ana do Livramento situa-se na fronteira do Brasil com o Uruguai; do outro lado da divisa seca (uma rua urbana), situa-se Rivera. São mais de 100 quilômetros de faixa de fronteira. É um dos municípios mais antigos, e o segundo maior em extensão territorial do Rio Grande do Sul. Em 1912, passou a ter a primeira estação de trem do Brasil com tráfego internacional, entre Sant'Ana do Livramento e Rivera (Uruguai), fazendo com que os trens pudessem ligar Rio de Janeiro e São Paulo a Montevidéu e Buenos Aires. Atualmente, o Trem Internacional encontra-se desativado. A área do município localizada entre o Rio Quaraí e o Arroio Invernada (denominada como Rincão de Artigas) é reclamada pelo governo do Uruguai desde 1934. Nesta data, Sant'Ana do Livramento/RS esta comemorando 195 anos.





avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Seg 30 Jul 2018, 10:16

Prezados,

Por volta de 1700, baianos e paulistas, dentre outros desbravadores – aqueles subindo ou descendo os rios São Francisco e Guaicuí em busca de ouro e pedras preciosas –, tinham como pouso as margens do ribeirão Santo Antônio. Alguns decidiram ficar nestas paragens e, em torno de humilde capela, deram início ao núcleo populacional. Depois de existir como arraial e distrito, designado por outras denominações, Curvelo se desmembrou de Sabará e se tornou município autônomo, por um decreto da Regência, de 13 de outubro de 1831, tendo como sede a vila homônima. Em 30 de julho de 1832, foi instalada a Câmara de Vereadores. Em 7 de dezembro do mesmo ano, houve a ereção do pelourinho, símbolo da autonomia do poder, e, em 15 de novembro de 1875, a sede da comuna elevou-se à categoria de cidade. Destacou-se durante longos anos na cotonicultura, sendo considerada a "terra do ouro branco". Aliás, sua rica indústria receberia prêmio internacional na Itália, em Turim, no ano de 1911. Teve, e ainda tem grande evidência em outros setores, como agropecuária, educação, comércio, serviços, cultura e saúde. É a cidade-mãe de muitos distritos hoje emancipados, tais como Morro da Garça, Inimutaba, Presidente Juscelino e Santana de Pirapama. É também o berço de uma das mais elegantes facas brasileiras, denominada "Curvelana" e que teria surgido por volta de 1880-90. Nesta data, Curvelo/MG esta comemorando 186 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Ter 31 Jul 2018, 12:19

Prezados,

Desde 1870, quando Gomes de Souza Ramos iniciou a colonização do lugarejo, onde foi construída uma capela em homenagem à Sant´Ana, a região ficou famosa pela sua localização, passagem obrigatória para aqueles que se dirigiam em direção às lavras de ouro de Bonfim (Silvânia), Meia Ponte (Pirenópolis) e Vila Boa (Cidade de Goiás). Pelo Decreto-Lei nº 320 de 31 de julho de 1907, eleva Santana das Antas à categoria de cidade, alterando o nome para Anápolis. De lá para cá, a economia viveu diferentes ciclos econômicos, sobretudo, a partir da inauguração da Estrada de Ferro Goyaz, no ano de 1935, quando já tinha um comércio atuante. Anos mais tarde, veio o comércio atacadista, a indústria cerâmica que deu suporte à criação de duas capitais- Goiânia e Brasília, as grandes cerealistas e, na década de 70, iniciou o ciclo da industrialização, com a implantação do Distrito Agroindustrial. Depois vieram o Porto Seco, as universidades, o pólo farmacêutico. Nesta data, Anápolis/GO esta comemorando 111 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qua 01 Ago 2018, 10:39

Prezados,

Uma das hipóteses mais utilizadas que explicam o nome do município diz que o nome teria vindo de mbai-yuru, que quer dizer "queda de água" ou "rio de grande inclinação", ou ybá-uru, que, traduzido da língua tupi, significa "cesta de frutas", ou "bauruz", que era como os índios que habitavam as margens do rio Batalha eram conhecidos. Teodoro Sampaio dizia que Bauru é corrupção de "upaú-ru", ou "upaú-r-y, designando rio da lagoa. Do Tupi: de "Upá" ou "Upaú", lago, lagoa, água represada, e "U", o mesmo que "I", água corrente, rio, líquido. Historicamente, a região ocupada por Bauru era território disputado entre dois grupos indígenas: os caingangues e os guaranis. No século XVIII, bandeirantes paulistas tentaram se estabelecer na região, que era ponto de travessia das monções (expedições fluviais) que se dirigiam até Mato Grosso e Goiás, mas foram impedidos por ataques dos índios locais. Os não índios somente conseguiram se estabelecer na região no século XIX, com a vinda de população oriunda do litoral do estado, de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. Após 1850, na procura de novas terras para ocupação e colonização, pioneiros paulistas e mineiros começam a explorar a vasta região situada entre a Serra de Botucatu, o Rio Tietê, o Rio Paranapanema e Rio Paraná, até então habitado por grupos de indígenas Kaingang. Em 1856, Felicíssimo Antônio Pereira, provindo de Minas Gerais, adquiriu terras e estabeleceu, próximo ao atual Centro de Bauru, a Fazenda das Flores. Anos depois, em 1884, essa fazenda, também chamada de Campos Novos de Bauru, teria parte de sua área desmembrada para a formação do arraial de São Sebastião do Bauru. O distrito progrediu, mesmo sujeito a ataques dos nativos Kaingang e relativamente isolado do resto do estado e tornou-se distrito de Agudos em 1888. A chegada dos migrantes oriundos do leste paulista e de Minas Gerais levou à emancipação do município em 1 de agosto de 1896. A criação do município de Bauru é de 1896. Nesta data, Bauru/SP esta comemorando 122 anos.





avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qua 01 Ago 2018, 10:45

Prezados,

Em 1766, o Capitão-General de São Paulo, D. Luís Antônio de Souza Botelho Mourão, encarregou o Capitão Antônio Corrêa Barbosa de fundar uma povoação na foz do rio Piracicaba. Este, no entanto, optou pelo local habitado pelos índios Paiaguás, onde já se haviam fixado alguns posseiros, à margem direita do salto, a 90 quilômetros da foz, entendendo ser o lugar mais apropriado da região. A povoação seria ponto de apoio às embarcações que desciam o rio Tietê, oferecendo retaguarda ao abastecimento do forte de Iguatemi, fronteiriço do território do Paraguai. Oficialmente, o povoado de Piracicaba, termo da Vila de Itu, foi fundado em 1º de agosto de 1767, sob a invocação de Nossa Senhora dos Prazeres. Em 1774, a povoação constituiu-se em Freguesia, com uma população estimada em 230 habitantes. Em 1784, Piracicaba foi transferida para a margem esquerda do rio, logo abaixo do salto, onde os terrenos melhores favoreciam sua expansão. A fertilidade da terra atraiu muitos fazendeiros, ocasionando a disputa de terras. Em 29 de novembro de 1821, foi elevada à categoria de Vila, tomando o nome de Vila Nova da Constituição, em homenagem à promulgação da Constituição Portuguesa, ocorrida naquele ano. A partir de 1836, deu-se um importante período de expansão. Não havia lote de terra desocupado e predominavam as pequenas propriedades. Além da cultura do café, os campos eram cobertos pelas plantações de arroz, feijão, milho, algodão e fumo, mais pastagens para criação de gado. Piracicaba era um respeitado centro abastecedor. Em 24 de abril de 1856, Vila Nova da Constituição foi elevada à categoria de Cidade. Em 1877, por petição do então vereador Prudente de Moraes, mais tarde primeiro presidente civil do Brasil, o nome da cidade foi oficialmente mudado para Piracicaba, “o mais certo, o correto e como era conhecida popularmente”. Nesta data, Piracicaba/SP esta comemorando 251 anos.





avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qua 01 Ago 2018, 10:49

Prezados,

Caxias foi um dos maiores focos de resistência portuguesa no Maranhão. Enquanto São Luís aderiu à Independência em 28 de julho de 1823, a “Princesa do Sertão” na figura do tenente português João José da Cunha Fidié, Comendador da Ordem de Avis e Diretor do Colégio Militar, resistiu até as últimas consequências, até ser preso em um sobrado, onde hoje está situada a Praça Gonçalves Dias. Foi pelo Morro do Alecrim ou Morro das Tabocas que as tropas do exercito brasileiro invadiram Caxias e pela rua 1º de agosto, chamada na época de Caminho dos Jesuítas, que os soldados chegaram à Igreja da Matriz. Terminava assim a resistência de quase um ano ao governo de Dom Pedro I. Tendo em vista que o Brasil havia decretado Independência de Portugal um ano antes. Na obra “Caxias das Aldeias Altas” (subsídios para sua história) de Milson Coutinho, em sua 2ª edição publicada em 2005, o historiador afirma que apesar da entrada das tropas brasileiras em Caxias ter ocorrido no dia 1º de agosto de 1823, somente no dia 7 de agosto de 1823 Caxias adere de fato à Independência. Esse ato é marcado principalmente por uma reunião que representa o Auto de Juramento à Independência ocorrida na Igreja da Matriz da cidade. Caxias era chamada à época de “Caxias das Aldeias Altas do Maranhão”. Nessa reunião estavam presentes representantes da Câmara Municipal, o Clero, Nobreza e o Pôvo (palavra ainda escrita com o uso do acento circunflexo). O ato foi uma convocação da “Exmª Junta da Delegação Expedicionária do Ceará e Pihahuhi”, afirma o historiador Milson Coutinho. Neste ato, foi dito ainda na presença do Comandante em Chefe do Exército, José Pereira Filgueiras que: “em cumprimento dos decretos e Ordens de S. Majestade Imperial e Defensor Perpétuo do Brazil…Dom Pedro Primeiro”, como consta em Auto de Juramento à Independência Prestado na Matriz da Villa de Caxias. Nesta data, Caxias/MA esta comemorando 195 anos.



avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Sex 03 Ago 2018, 12:08

Prezados,

Em 1849, havia na povoação casas residenciais, apontando-se, entre elas, uma ainda existente à rua Alexandre Arraes, na qual foi celebrada a 1ª missa da povoação. Documentos do arquivo da Paróquia registram que no ano de 1871, seguinte ao da criação da freguesia (5 de novembro de 1870), o padre Henrique José Cavalcante, encontrando arruinada a antiga capelinha de Brejo Seco, construiu com grande massa de católicos a igreja matriz, hoje completamente destruída. Essa passagem revela que àquela época contava a povoação de Brejo Seco com apreciável contingente humano, atraído, na sua maioria, pela presença do ardoroso missionário. A capela de Santo Antônio da povoação de Brejo Seco, sede freguesia, compreendia os distritos de paz de Brejo Seco e Poço da Pedra, desmembrados da freguesia de Assaré. A freguesia de Brejo Seco foi instituída canonicamente pela provisão de D. Luís Antônio dos Santos, datada de 1 de dezembro de 1871 e provida a 10 do dito mês pelo padre Antônio Pereira de Oliveira Alencar. Distrito criado com a denominação de Brejo Seco, pela Lei Provincial nº 1359 de 05 de novembro de 1870. Elevado à categoria de município com a denominação de Brejo Seco, pela Lei Provincial nº 1661 de 03 de agosto de 1875. Sede na povoação de Brejo Seco. Pela Lei Provincial nº 2172 de 23 de agosto de 1889, a vila de Brejo Seco passou a denominar-se Araripe. Nesta data, Araripe/CE esta comemorando 143 anos.





avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Sab 04 Ago 2018, 12:01

Prezados,

A história da colonização da atual região de Brusque tem início nas terras localizadas à margem direita do rio Itajaí-Mirim. Neste local destinado à sede da Colônia Itajahy (Brusque), já havia a presença de outros imigrantes - que exploravam a extração de madeira, sendo Pedro Werner, Franz Sallentiem e Paulo Kellner. No entanto, Vicente Ferreira de Mello, conhecido como Vicente Só, foi um dos primeiros a adentrar a mata e estabelecer moradia no alto de um morro, morro qual hoje se vê a Igreja Católica, localizada no bairro Centro I. A imigração começa de fato com a chegada do nobre austríaco Barão von Schneeburg, que liderava 54 imigrantes alemães, oriundos do Grão-ducado de Baden, sul da Alemanha, em 4 de agosto de 1860. O núcleo foi batizado de "Colônia Itajahy". Nos anos seguintes, novos grupos de pessoas oriundas das mais diversas regiões do que mais tarde foi denominado Alemanha chegaram ao município. Em 17 de janeiro de 1890, a cidade foi batizada de Brusque, em homenagem a Francisco Carlos Araújo Brusque, presidente da província 11 de Santa Catarina na época da fundação da colônia, gaúcho nascido em Porto Alegre em 24 de maio de 1822. O município foi instituído em 23 de março de 1881, ainda com nome de São Luis Gonzaga, recebendo o nome atual em 1890. Portanto, as comemorações do centenário (4 de agosto de 1960) e sesquicentenário (4 de agosto de 2010) se referem à chegada dos colonos alemães e não à criação do município de Brusque. Nesta data, Brusque/SC esta comemorando 158 anos.



avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Dom 05 Ago 2018, 10:49

Prezados,

Em 1754 ocorreu a Guerra Guaranítica, onde os índios residentes nas Missões se revoltaram contra o poder da Coroa Portuguesa, da Coroa Espanhola e os padres jesuítas. Com a derrota dos indígenas, alguns deles foram recolhidos por portugueses e formaram uma pequena aldeia no Cerro do Botucaraí. Em 1769 foram levados para o Passo do Fandango, onde construíram a capela de São Nicolau. O lugar é hoje o bairro Aldeia. É nessa época que a pequena vila, formada de açorianos e índios, começa a ser chamado de Cachoeira, devido às quedas d'água do Rio Jacuí que havia no local. Em 10 de julho de 1779, a Capela foi elevada à categoria de Freguesia, com a denominação de Freguesia de Nossa Senhora da Conceição da Cachoeira. Em 28 de setembro de 1799, foi inaugurado o novo templo católico, a Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição. Em princípios de 1800, a Freguesia de Nossa Senhora da Conceição da Cachoeira entrou num período de crescimento demográfico, comercial e urbano. Contingentes oriundos das guerras de demarcação instalaram-se na povoação; casas comerciais efetuavam transações com o mercado do centro; a cidade ganhou seu atual traçado, elaborado por José de Saldanha, engenheiro, tendo a Praça da Igreja como ponto central. O nome de Cachoeira surgiu no século XVIII e deve-se à Cachoeira do Fandango, uma das corredeiras que existiam no rio Jacuí. O Alvará de D. João VI, datado de 26 de abril de 1819, emancipou a então Freguesia de Nossa Senhora da Conceição da Vila de Rio Pardo. A solenidade de instalação do município e eleição dos primeiros vereadores ocorreu em 5 de agosto de 1820, inaugurando-se o Pelourinho, antigo símbolo da autonomia municipal. Com a adoção do nome de Vila Nova de São João da Cachoeira, precedido de Porto Alegre, Rio Grande, Santo Antônio da Patrulha e Rio Pardo e sendo esta a data escolhida para comemoração do seu aniversário. Em 15 de dezembro de 1859, o município foi elevado à categoria de Cidade, recebendo o nome de Cachoeira. Nesta data, Cachoeira do Sul/RS esta comemorando 198 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Dom 05 Ago 2018, 10:53

Prezados,

Terceira cidade mais antiga do Brasil, João Pessoa possui uma história de 433 anos (fundada em 1585), bem guardada nos seus monumentos e preservada no verde, que é uma de suas características mais fortes e que lhe rendeu o título de segunda cidade mais arborizada do mundo, atrás, apenas, de Paris. A cidade, que nasceu às margens do Rio Sanhauá, cresceu em direção ao mar. O dia 05 de agosto de 1585, marca a data de fundação da cidade que já surgiu como sede da capitania real sem passar pelo estágio de vila ou povoado, como acontecia nas demais localidades na época. A padroeira do lugar que nascia, Nossa Senhora das Neves, foi a homenageada, dando o primeiro nome à cidade: Filipéia de N. S. das Neves. Depois, as constantes disputas entre Holanda e Portugal deram a denominação de Frederica, em homenagem ao rei Frederico II da Holanda. Com a saída dos holandeses, o lugar passou a ser chamado de Parahyba do Norte, por causa do rio que foi o principal canal de acesso e que até hoje é o principal rio do Estado. O nome assim permaneceu até um dos acontecimentos mais importantes da história política brasileira do século XX: o assassinato do então presidente da Província João Pessoa Cavalcanti de Albuquerque, no dia 26 de julho de 1930. O fato culminou com a Revolução de 30, da qual João Pessoa foi o herói e mártir. O então governador era candidato à vice-presidência da República na chapa de Getúlio Vargas. Meses depois, o apelo do povo fez valer, através de um Decreto, a mudança de Parahyba para João Pessoa. A cidade permanece sendo agraciada com o nome do político até os dias de hoje.  Nesta data, João Pessoa/PB esta comemorando 433 anos.


avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Seg 06 Ago 2018, 21:52

Prezados,

O Capitão-Mor e Ouvidor Álvaro Luiz do Valle em visita a Parnaíba, atualmente Santana de Parnaíba, concedeu sesmarias a Jacome Nunes, Manoel de Alvarenga e Matheus Luiz. O local escolhido foi Pirapora, que em tupi significa Pira = peixe, pora = pula (salto de peixe), onde até hoje se encontra a Fazenda Salto de Pirapora. Mais tarde, essas terras foram vendidas a José de Almeida Naves, considerado o fundador da Cidade e que, com seus escravos, encontrou em meio a uma corredeira do rio Tietê, a imagem do Senhor Bom Jesus, em tamanho natural. Por alvará da Sé do Rio de Janeiro em 6 de agosto de 1725, na capela que José de Almeida Neves mandou construir para abrirgar a imagem, foi rezada a primeira missa pelo Padre Izidoro Pinto de Godoy, vigário de Parnaíba. Em 25 de março de 1730, José de Almeida Naves e sua mulher, doaram 50 braças de terra e uma quantia em dinheiro para serem custeadas as despesas e provisões da Capela, dando origem, nessa ocasião, à fundação da Vila de Pirapora. Em 1944, a denominação passou a ser Pirapora do Bom Jesus. Nesta data, Pirapora do Bom Jesus/SP esta comemorando 393 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Seg 06 Ago 2018, 21:56

Prezados,

As terras onde hoje se situa o município eram habitadas por índios de língua tupi que denominavam o atual distrito de Cachoeira de Emas como Pirasununga, que significa “peixes barulhentos” ou “barulho dos peixes”, através da junção dos termos pirá (“peixe”) e sunung (“fazer barulho”). O nome é uma referência ao fenômeno da piracema: todos os anos, em dezembro, os peixes (principalmente curimbatás) sobem o rio Mojiguaçu para a desova e, no esforço para nadar contra a correnteza, emitem sons semelhantes ao de roncos. Desde o século XVI, os bandeirantes já exploravam a região. No início do século XIX, chegou à região a família de Cristóvão Pereira de Godói, que fundou a Fazenda Santa Cruz. Em 1823, Ignácio Pereira Bueno e sua esposa instalaram-se na área central da cidade. Quando o então Bairro do Senhor Bom Jesus dos Aflitos foi oficialmente fundado, em 6 de agosto de 1823, com a celebração da primeira missa pelo padre Felippe Antônio Barreto, o nome de Pirassununga, que era designação atual de Cachoeira de Emas, foi aposto ao nome do novo local, que passou a se chamar Bairro do Senhor Bom Jesus dos Aflitos de Pirassununga. Nesta data, Pirassununga/SP esta comemorando 195 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Ter 07 Ago 2018, 11:30

Prezados,

A história de Passo Fundo é muito mais antiga que sua emancipação. Por lei, foi instituída e assinada como Vila por Jerônimo Coelho em 28 de janeiro de 1857. A Câmara, no entanto, foi instalada em 7 de agosto de 1857 e essa foi a data escolhida para se comemorar o aniversário da cidade. Por muito tempo o feriado dava-se nesta data, porém, mais tarde substituiu-se para o feriado de Nossa Senhora da Conceição, padroeira do município. Sua história, por outro lado, é muito mais antiga que isso. De acordo com o diretor do Instituto Histórico de Passo Fundo, historiador Fernando Miranda, há registros que em 1632 foi fundada nesta região pelos jesuítas a redução de Santa Tereza, isso sem falar na população indígena que foi muito anterior, mas que não se tem documentos. Distrito criado com a denominação de Passo Fundo, pela Lei Provincial nº 99 de 26 de novembro de 1847, subordinado ao município de Cruz Alta. Elevado à categoria de Vila com a denominação de Passo Fundo, pela Lei Provincial nº 340 de 28 de janeiro de 1857, desmembrado do município de Cruz Alta. Em 07 de agosto de 1857, sob a presidência de Manuel José de Araújo, foi instalada a Câmara Municipal, com poderes executivos e legislativos. Nesta data, Passo Fundo/RS esta comemorando 161 anos.



avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qua 08 Ago 2018, 11:30

Prezados,

Município de instalação bastante recente, Paracambi foi criado em 8 de agosto de 1960. Formado por territórios dos distritos homônimos desmembrados de Vassouras e Itaguaí. Uma curiosidade deste município é a maneira como foi constituído. Existiam dois distritos separados pelo rio dos Macacos. Do lado de Vassouras, seu  7º Distrito, Belém (1892), depois mudado para Macacos (1906), novamente Belém (1909), Paracambi (1919) e finalmente Tairetá (1938). Do lado de Itaguaí, seu 3º Distrito, São Pedro e São Paulo do Ribeirão das Lajes (1836), depois Macacos (1895) e finalmente Paracambi (1901). Como se vê, ambos compartilharam alternadamente os mesmos topônimos, prevalecendo Paracambi como nome do município. A agência postal é de 14 de outubro de 1861 e funciona até hoje. Nesta data, Paracambi/RJ esta comemorando 58 anos.



avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qua 08 Ago 2018, 11:33

Prezados,

A área atual do município, de início, pertencia à Fazenda Marinheiro de Cima, de propriedade de Francisco Schmidt. Após sua morte, os herdeiros, endividados, entregaram as terras à empresa Theodor Wille & Cia Ltda. A propriedade foi, então, dividida em glebas e os terrenos vendidos a preços baixos. Pouco a pouco formou-se o povoado, até então, pertencente ao distrito de Vila Monteiro, atual Álvares Florence, e à comarca e município de Monte Aprazível. O nome escolhido, Votuporanga, foi uma indicação de Sebastião Almeida de Oliveira, tabelião de Tanabi. No dia 8 de agosto de 1937, a cidade foi fundada. Nessa mesma data, foi celebrada uma missa pelo padre Isidoro Cordeiro Paranhos. Em 1945, a vila tornou-se distrito, município e sede da comarca, em decreto único. Nesta data, Votuporanga/SP esta comemorando 81 anos.




avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qui 09 Ago 2018, 11:45

Prezados,

A região era primitivamente habitada pelos índios e acoroazes. No começo do século XVII, o território integrava a sesmaria do Conde da Ponte. O povoamento se iniciou no final do século XVIII, na fazenda “Arraial”, pertencente a Monel Félix da Veiga e arrematada por Joaquim José Gonçalves, em 1829. Estabeleceram-se ali famílias retirantes de Pilão Arcado, onde havia lutas armadas. A fertilidade do solo e a pesca contribuíram para a fixação dos colonos, que formaram o Arraial de Nossa Senhora do Remanso. Elevado à categoria de Vila com a denominação de Remanso do Pilão do Arcado, pela Lei Provincial nº 650 de 14 de dezembro de 1857. Elevado à condição de cidade com a denominação de  Remanso do Pilão Arcado, pela Lei Estadual nº 369 de 9 de agosto de 1900. Simplificou-se a denominação para Remanso pela Lei Estadual de 9 de agosto de 1900, com a elevação da vila à cidade. O topônimo está ligado ao fato de as águas do Rio São Francisco correram vagarosamente, ficando como que paradas, naquele trecho.  Nesta data, Remanso/BA esta comemorando 118 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qui 09 Ago 2018, 11:47

Prezados,

Socorro comemora sua fundação no dia 9 de agosto de 1829, data em que foi rezada a primeira missa na capela de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no mesmo local onde hoje se encontra a igreja da Padroeira que deu origem ao nome da cidade. A cidade cresceu em um braço da Serra da Mantiqueira, a 132 Km de São Paulo e faz parte do Circuito das Águas Paulista . É banhada pelo rio do Peixe, onde corredeiras e lindas cachoeiras fazem a alegria dos amantes de esportes de aventura que atraem para a cidade uma grande variedade de turistas. Nesta data, Socorro/SP esta comemorando 189 anos.

avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Sex 10 Ago 2018, 13:10

Prezados,

A ocupação de Fernando de Noronha é quase tão antiga quanto a do continente. Em decorrência da sua posição geográfica, o arquipélago foi uma das primeiras terras localizadas no Novo Mundo, registrada em carta náutica no ano de 1500 pelo cartógrafo espanhol Juan de La Cosa e em 1502 pelo português Alberto Cantino, neste com o nome "Quaresma". Sua descoberta, em 1503, é atribuida ao navegador Américo Vespúcio, participante da segunda expedição exploratória às costas brasileiras, comandada por Gonçalo Coelho e financiada pelo fidalgo português Fernão de Loronha, cristão novo, arrendatário de extração de Pau-Brasil. Assim, Américo Vespúcio descreveu o Ilha em 1503, que chamou de São Lourenço. "O paraíso é aqui", disse Vespúcio quando abordou aquela ilha deserta em 10 de agosto de 1503, logo após o naufrágio da principal nau das seis que compunham a expedição. A carta que escreveu, a LETTERA, é o primeiro documento relativo à Ilha, a qual chamava de São Lourenço, fala de "infinitas águas e infinitas árvores; aves muito mansas, que vinham comer às mãos; um boníssimo porto que foi bom para toda a tripulação". Em decorrência da descoberta, em 1504, foi doada a Fernão de Loronha, que havia financiado a expedição. Foi a primeira Capitania Hereditária do Brasil, porém jamais ocupada pelo seu donatário. Nesta data, Fernando de Noronha/PE esta comemorando 515 anos.





avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Sex 10 Ago 2018, 13:13

Prezados,

A região era primitivamente habitada por indígenas do grupo Tapes, e, com a chegada dos jesuítas e espanhóis, a partir de 1626, iniciou-se um sistema de redução para catequizá-los. Santa Rosa integrava o território dos Sete Povos das Missões, fundados pelos jesuítas e pertenceu, sucessivamente, a Porto Alegre, Rio Pardo e Santo Ângelo. Em 1876, o município de Santo Ângelo foi subdividido e criado o Distrito de Santa Rosa. Contudo, a efetiva colonização só ocorreu a partir de 1915, quando entrou em execução um vasto plano de loteamento de terras para assentar os nacionais que já habitavam a região. No ano anterior, Quintino Zanella e mais alguns companheiros, ergueram o acampamento no local onde hoje está construído o Colégio Santa Rosa de Lima. Assim estava fundada a Colônia 14 de Julho. Os primeiros povoadores foram os próprios funcionários do serviço de agrimensura, mais tarde, ocorreu a colonização propriamente dita, quando afluíram descendentes de alemães e italianos, e outras etnias em menor escala. As famílias se instalavam nas proximidades do acampamento, derrubavam matas, construíam casas e faziam lavouras. A ocupação dessas terras aconteceu rapidamente, sendo que em 1920 a Colônia já contava com 11.215 habitantes. A idéia da emancipação surgiu em 1927, quando a Colônia já estava com 35.000 pessoas e uma boa arrecadação. A energia elétrica chegou à cidade em 1922. José Pittas era o dono do gerador. Em 1928, começou a funcionar o Cine Odeon, de Agostinho Frainer. Durante quatro anos Frainer passou seus filmes em um caminhão que circulava pelos povoados. O cinema fixo localizava-se onde hoje é o Salão Paroquial, na Rua Sinval Saldanha. Atualmente acontecem sessões de filmes no Centro Cívico e Cultural Antônio Carlos Borges. Em 1929, a luta pela emancipação crescia rapidamente e o maior argumento dos emancipacionistas era a crescente arrecadação da Colônia. Durante a campanha, uma comissão foi até a capital do Estado a fim de apressarem a emancipação. O jornal “A Serra” foi fundado para divulgar a campanha emancipacionista da Colônia. Assim, no dia 1º de julho de 1931, o general José Antônio Flores da Cunha (Interventor do Estado) assinava o decreto de emancipação do município de Santa Rosa. A solenidade de instalação do município de Santa Rosa aconteceu no dia 10 de agosto de 1931. Nesta data, Santa Rosa/RS esta comemorando 87 anos.



avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Marcelo Zampa Filgueiras em Sex 10 Ago 2018, 13:21

Muito bacana esta publicação sobre Fernando de Noronha. Parabéns.
avatar
Marcelo Zampa Filgueiras

Idade : 52
Localização : São João Nepomuceno - MG
Data de inscrição : 07/04/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Sab 11 Ago 2018, 12:33

Prezado,

agradecido.
avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aniversário dos municípios brasileiros e outros países

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 10 de 15 Anterior  1 ... 6 ... 9, 10, 11 ... 15  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum