BRASIL - PELOTAS/RS - DO CHARQUE AO DOCE - 1962!!!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

BRASIL - PELOTAS/RS - DO CHARQUE AO DOCE - 1962!!!

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qua Jan 04 2017, 22:30

Compartilho com os colegas, envelope comercial circulado Pelotas/São Leopoldo, carimbo Pelotas/DR/RS - 02/07/1962, carimbo retangular comemorativo "VISITE PELOTAS: FESTAS DO SESQUICENTENÁRIO - JULHO 1962", verso carimbo de chegada no destino, São Leopoldo - 03/07/1962.

                                                  PELOTAS: DO CHARQUE AO DOCE!!!

A história do município começa em 18 de junho de 1758 (258 anos), através da doação que o General Gomes Freire de Andrade, o Conde de Bobadela, fez ao Coronel Thomáz Luiz Osório, das terras que ficavam às margens da Lagoa dos Patos. Em 1763, fugindo da invasão espanhola, muitos habitantes da Vila do Rio Grande buscaram refúgio nas terras pertencentes a Thomáz Luiz Osório. Mais tarde, vieram também os retirantes da Colônia do Sacramento, entregue pelos portugueses aos espanhóis em 1777. Em 1780, instala-se em Pelotas o charqueador português José Pinto Martins. A prosperidade do estabelecimento estimulou a criação de outras charqueadas e o crescimento da região, dando origem à povoação que demarcaria o início do município de Pelotas. Com o sucesso desta indústria, os charqueadores, dispondo de duas estações amenas, construíam palacetes para suas habitações e promoviam a cultura e a educação, no ambiente urbano, exemplificado pela inauguração do Teatro Sete de Abril, em 1831, quatro anos antes de Pelotas ser elevada à condição de cidade. A Freguesia de São Francisco de Paula foi fundada (emancipação) em 7 de julho de 1812 (204 anos) por iniciativa do padre Pedro Pereira de Mesquita e foi elevada à categoria de Vila em 7 de abril de 1832. Três anos depois, em 1835, a Vila é elevada à condição de cidade, com o nome de Pelotas. Nos primeiros anos do século XX, o progresso foi impulsionado pelo Banco Pelotense, fundado em 1906 por investidores locais. Sua liquidação, em 1931, foi nefasta para a economia local. O nome do município, "Pelotas", teve origem nas embarcações de varas de corticeira forradas de couro, usadas para a travessia dos rios na época das charqueadas. Em Pelotas, é realizada, todos os anos, a tradicional Fenadoce - Feira Nacional do Doce, festa de eventos ancorada pelos famosos doces de origem portuguesa que fazem a fama de Pelotas.

                   ENVELOPE CIRCULADO PELOTAS/SÃO LEOPOLDO - 02/07/1962.


          CARIMBO ALUSIVO AO SESQUICENTENÁRIO DA CIDADE DE PELOTAS.


                   PINTURA DE HERRMANN RUDOLF WENDROTH - PELOTAS 1851.


           BRASÃO CIDADE PELOTAS.


 VISTA DE PELOTAS TENDO AO FUNDO PONTE QUE LEVA AO EXTREMO SUL DO ESTADO.


                                BIBLIOTECA PÚBLICA DE PELOTAS.


                         O CENTENÁRIO CLUBE COMERCIAL.


              IGREJA ANGLICANA, O REDENTOR.


              CATEDRAL METROPOLITANA SÃO FRANCISCO DE PAULA.


                   PINTURAS FEITAS PELO PINTOR ITALIANO ALDO LOCATELLI.


                             INTERIOR CATEDRAL METROPOLITANA.


                                            ALTAR.
avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 61
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum