ALEMANHA - 25 ANOS DA PONTE AÉREA DE BERLIM - 1974!!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

ALEMANHA - 25 ANOS DA PONTE AÉREA DE BERLIM - 1974!!

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Qua Ago 31, 2016 9:12 am

Compartilho com os colegas, envelope FDC/Primeiro Dia de Circulação, "25 Anos da Ponte Aérea de Berlim", carimbo Berlin 12 - 17/04/1974, selo Michel Berlim nº 466.

                                                      O BLOQUEIO SOVIÉTICO DE BERLIM.
                                                               PONTE AÉREA DE BERLIM.

O Bloqueio de Berlim (de 24 de junho de 1948 a 11 de maio de 1949) tornou-se uma das maiores crises da Guerra Fria, desencadeada quando a União Soviética interrompeu o acesso ferroviário, rodoviário e hidroviário à cidade de Berlim Ocidental. Seu objetivo era forçar as potências ocidentais a sair, dando assim o controle soviético sobre toda a cidade. Em resposta, os aliados ocidentais organizaram a "Ponte Aérea de Berlim" para transportar suprimentos para as pessoas em Berlim Ocidental. A Força Aérea dos Estados Unidos e a Real Força Aérea do Reino Unido, fizeram mais de 200.000 vôos em um ano, com até 4.700 toneladas diárias de suprimentos, como combustível, artigos de higiene, comida, etc para os berlinenses. Com o término da Segunda Guerra Mundial em 08 de maio de 1945, tropas soviéticas e ocidentais (americanas, britânicas e francesas) encontravam-se espalhadas pela Europa, aquelas a leste, estas a oeste, formando uma linha divisória arbitrária no centro do continente. Na Conferência de Potsdam, os aliados acordaram dividir a Alemanha derrotada em quatro zonas de ocupação (conforme os princípios previamente definidos na Conferência de Ialta), conceito também aplicado a Berlim, que foi então partilhada em quatro setores, o setor francês, setor britânico, setor americano e o setor soviético. Como Berlim havia ficado bem no centro da zona de ocupação soviética da Alemanha (que viria a tornar-se a Alemanha Oriental), as zonas americana, britânica e francesa em Berlim encontravam-se cercadas por território ocupado pelo Exército Vermelho. Depois da guerra, a Grã-Bretanha, a França e os Estados Unidos, aparentemente contando com a boa vontade soviética, nunca haviam negociado um acordo com a URSS para garantir os direitos de acesso terrestre a Berlim através da zona soviética. O bloqueio viria a ser o foco das tensões que levariam à dissolução da aliança soviética-ocidental formada na Segunda Guerra. A crise arrefeceu quando ficou claro que a URSS não impediria a ponte aérea, organizada e operada pelos Estados Unidos, Reino Unido e França, para levar alimentos e outros gêneros à população da cidade. Na primavera de 1949, esse esforço se mostrava claramente um sucesso, e, em abril, o transporte aéreo estava entregando um volume de carga superior ao que era anteriormente transportado de trem para a cidade. O sucesso da ponte aérea de Berlim parece ter surpreendido os soviéticos. O bloqueio foi finalmente levantado em 11 de maio de 1949, com a criação de dois Estados alemães separados, a República Federal da Alemanha (Alemanha Ocidental) e a República Democrática Alemã (Alemanha Oriental), ficando a cidade de Berlim também dividida em dois setores - Berlim Ocidental e Berlim Oriental.

         ENVELOPE FDC/PRIMEIRO DIA DE CIRCULAÇÃO CARIMBO BERLIN 12 - 17/04/1974.


ZONAS DE OCUPAÇÃO PELAS POTÊNCIAS ALIADAS NA ALEMANHA DERROTADA, APÓS 1945 E LOCALIZAÇÃO DE BERLIM.


                     OS TRÊS CORREDORES AÉREOS QUE LEVAM ATÉ BERLIM.


BERLINENSES ASSISTINDO A CHEGADA DE UM CARGUEIRO C-54 NO AEROPORTO DE TEMPELHOF EM 1948.


CARREGAMENTO DE LEITE PARA ATENDER AS NECESSIDADES DOS BERLINENSES.
avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 61
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum