Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Brasiliana Selos em Sab Maio 21 2016, 09:24

Grato, realmente o assunto se desviou e creio que ficou no tópico errado, pois estávamos discutindo cotações de catálogo. Aguardo o Admin, portanto. Sugiro que alguém retome o tema do tópico original.
avatar
Brasiliana Selos

Localização : BH - MG - Brasil
Data de inscrição : 26/09/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por JOSE RENATO em Sab Maio 21 2016, 09:28

Brasiliana Selos escreveu:Grato, realmente o assunto se desviou e creio que ficou no tópico errado, pois estávamos discutindo cotações de catálogo. Aguardo o Admin, portanto. Sugiro que alguém retome o tema do tópico original.

Brasiliana Selos,

Desculpe, mas eu não achei apresentação sua....

Vc podia se apresentar, para sabermos um pouquinho mais sobre vc.

Tem lugar próprio para isso.

Um abraço,

_________________
José Renato
Ouro Preto - MG

Coleciono: BRAZIL IMPÉRIO 
avatar
JOSE RENATO

Idade : 60
Localização : Ouro Preto - MG
Data de inscrição : 31/05/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Selonarth em Qui Maio 26 2016, 15:08

Boa tarde meus amigos!

Peço desculpas, pois ao averiguar as mudanças de cotação dos selos, o fiz achando que estavam baseadas no Real (R$), o que me causou toda essa confusão.

Depois que fizeram as postagens e hoje ao lê-las, voltei ao catálogo para LER, o que deveria ter feito inicialmente.

Segue o que diz o Catálogo RHM 2016 (As Cotações):
As cotações  são apresentadas em Unidades Filatélicas (UF´s) e sugerimos que seja equivalente à cotação da moeda norte americana.

Então, seguindo o que eu havia dito, o selo observado foi o RHM 853, cujo cotação está a 0,90 UF e não Real (R$). Sendo assim, a cotação correta, levando em consideração o Autor e que os colegas postaram, teríamos o selo ao custo de R$3,597 * 0,90UF = R$3,2373.

Com a atual cotação do dólar, isso significa que os selos tiveram uma valorização de exatos 40%.

Desejo bom feriado e ótima semana aos colegas!

Selonarth

Idade : 44
Localização : Brasília-DF
Data de inscrição : 22/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Selonarth em Qui Maio 26 2016, 15:55

Voltando um pouco do assunto.....

RHM 862 (2016) página 53 - 3,50UF
RHM 862 (2016) página 232 - 1,00UF

RHM 853 (2016) página 52 - 0,90UF
RHM 853 (2016) página 226 - 1,00UF

Apenas alguns erros na formatação, mais pergunto, qual o correto? Creio que o RHM 862 seja o que tenha uma maior disparidade, diferente do RHM 853.

Esse novo catálogo é muito bom, pois trás toda as informações dos Volumes II e III da 49ª Edição. No entanto, gosto mais da formatação do RHM 2013 que separava os Blocos dos períodos de lançamento.

Selonarth

Idade : 44
Localização : Brasília-DF
Data de inscrição : 22/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Convidado em Qua Jun 01 2016, 09:55

Olho De Boi 60 Réis - 600 Ufs - R$ 2.100,00

Olho De Boi 30 Réis - 1250 Ufs - R$ 4.375,00

Olho De Boi 90 Réis - 2700 Ufs - R$ 9.450,00

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Psique10 em Qua Jun 01 2016, 10:37

Marcar/Desmarcar multi-citação
   Responder com citação

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador


Olho De Boi 60 Réis - 600 Ufs - R$ 2.100,00

Olho De Boi 30 Réis - 1250 Ufs - R$ 4.375,00

Olho De Boi 90 Réis - 2700 Ufs - R$ 9.450,00

Ta muito salgado os preços se for seguir à risca. Nunca vou comprar por esse preço.
avatar
Psique10

Idade : 51
Localização : Ribeirão Claro - Paraná
Data de inscrição : 20/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por andreruzneves em Seg Jun 06 2016, 00:07

Olá Pessoal,

O primeiro catálogo de selos foi publicado na França, em 1861, pelo comerciante filatélico Oscar Berger-Levrault e não passava da lista de preços dos selos disponíveis em sua loja filatélica.

Na verdade, todos os grandes catálogos mundiais, Michel (Alemanha), Stanley Gibbons (Reino Unido), Scott (EUA) e Yvert et Tellier (França) começaram como meras listas de preços de comerciantes filatélicos.

Ainda hoje, os catálogos Stanley Gibbons e Yvert et Tellier são publicados pelas casas filatélicas de mesmo nome. De fato, o catálogo Stanley Gibbons declara abertamente que os preços listados no seu catálogo são os preços de venda de varejo em sua loja em Londres.

O catálogo de selos do Brasil RHM não é diferente, já que também é publicado por uma casa filatélica que vende selos no varejo.

Mesmo que os catálogos busquem refletir as forças de mercado (oferta x demanda) a dificuldade de precificar milhares de selos diferentes abre muito espaço para os erros e exageros.

Acredito que a utilização das chamadas "Unidades Filatélicas" (UF) no atual catálogo se deve a dois fatores: o atual cenário inflacionário e a estratégia editorial de não publicar o catálogo anualmente, mas a cada três anos.

Mantida a inflação atual, na casa de 10% ao ano, até a publicação da próxima edição o catálogo estará defasado em cerca de 30%. Obviamente, esse cenário é muito prejudicial aos comerciantes filatélicos. Imagine a dificuldade dos comerciantes tentando explicar aos colecionadores que os preços subiram 30% enquanto o preço de catálogo se manteve o mesmo.

Além disso, o Código de Defesa do Consumidor proíbe a precificação em moeda estrangeira. Daí a criação da tal "unidade filatélica", que não passa de uma estratégia de precificar os selos em Dólar Americano, na tentativa de preservar o estoque dos comerciantes da perda inflacionária.

Quanto aos preços dos catálogos, não podemos esquecer que tratam-se apenas de indicações, e que, apenas em algumas ocasiões um colecionador deve pagar o preço de catálogo. Uma delas é quando irá comprar um selo isolado com a menor cotação do catálogo. Nesse caso, o colecionador está pagando pelo tempo de trabalho do comerciante ao classificar, catalogar e colocar à venda, e não pelo valor do selo, que nesse caso é nulo. A outra ocasião em que um colecionar irá pagar o preço cheio do catálogo é quando se tratar de uma peça de excepcional qualidade, escassez, dificuldade de encontrar ou raridade.

Lembrando que selos muito raros podem demandar valores muito superiores ao catálogo, alguns são vendidos a preços que podem chegar à mais de 10 vezes o valor de catálogo.

Esta semana foi vendido em um leilão em Nova Iorque um Olho de Boi 90 Réis usado por 28.500,00 Euros, cerca de, R$ 114.000,00, isto é, mais de 11 vezes o valor do catálogo.

http://stampauctionnetwork.com/cg/cg34ny35.cfm#269  Shocked

No entanto, o grande grupo intermediário dos selos que não são muito baratos e nem muito raros é negociada com desconto entre 30% à 50% do preço do catálogo, à depender da qualidade e escassez do material.

No caso dos "Olho de Boi" não é diferente. Em uma rápida busca nos sites de alguns comerciantes filatélicos brasileiros encontrei a seguinte relação (para peças em perfeito estado de conservação):

1. Olho De Boi 30 Réis - R$ 2.000,00 à R$ 2.300,00, ou seja, entre 45% e 52% do valor de catálogo.
2. Olho De Boi 60 Réis - R$ 1.200,00 à R$ 1.440,00, ou seja, entre 54% e 65% do valor de catálogo.
3. Olho De Boi 90 Réis - R$ 4.800,00 à R$ 5.400,00, ou seja, 49% e 54% do valor de catálogo.

Isso sem levar em conta a barganha e a pechincha com o comerciante filatélico. Wink

Att,

André
avatar
andreruzneves

Idade : 43
Localização : São Paulo - SP
Data de inscrição : 15/09/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Convidado em Sex Jul 15 2016, 10:40

Me disseram que a UF por ser 0,5, 1 , 1,5 ou 2 dependendo da mercadoria.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por odilo em Sex Jul 15 2016, 14:55

Olá amigos,
Este catálogo foi editado no ano passado. Vejam no quadro abaixo como foi a evolução da moeda americana entre março de 2014 e outubro de 2015.


Além da variação da moeda, outros fatores como comentado aqui, vão influir no valor final: Inflação no Brasil, valorização (histórica) do produto, custos de estoques, custos operacionais, etc ....
Enfim, um comerciante compra o selo nos correios hoje pelo valor facial do selo. Vai vender ele depois de um ano. Porquanto tem que vender para pagar as despesas, ter um pouco de lucro para tirar seu sustento e novos investimentos? Digamos que pelo dobro do valor.
Já um item de coleção, digamos com 100 anos de idade, não segue esta lógica. Neste caso vale muito mais a lei da oferta e da procura, pois geralmente este item não se tem em estoque.

Estamos vendo que o dólar esta flutuando entre R$ 3,00 e 4,00 . Se eu fizer o valor da U.F. = R$ 1,00 , qual é o desconto que estou dando em relação ao valor de catálogo?

Até mais,
Odilo

_________________
Coleciono países: Brasil, Alemanha (tudo), Suíça, Argentina, Portugal e USA. Série: Machins . Continuo juntando material para uma coleção sobre meios de transportes. Recente: Um país um selo. Futuro: Recortes de história postal. Reino dos Sérvios, Croatas e Slavos (1918-1929).
avatar
odilo

Idade : 75
Localização : Florianópolis
Data de inscrição : 20/02/2008

https://sites.google.com/site/procurandoselo/home

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Convidado em Sex Jul 15 2016, 15:51

Sim Romeu , o próprio editor do catálogo não leva em conta estes valores , acho que é coisa de comerciante mesmo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por odilo em Sex Jul 15 2016, 18:53

Mas vejam agora os selos após o plano Real. Por exemplo o
Bloco de Natal e São Nicolau, emissão em 05/12/2014 , com valor facial de R$6,00.
Esta cotado em UF=$3,00 . Fazendo o dólar pela cotação mais alta, R$ 4,00 , temos 3x4= R$12,00 que o dobro do valor facial.
No entanto este selo ainda pode ser encontrado em alguma agência pelo valor facial.
Mas se não for um comerciante e não quiser perder dinheiro ao vender um selo, por ex. de 2002, basta então corrigir o valor facial dele pela inflação do período.

_________________
Coleciono países: Brasil, Alemanha (tudo), Suíça, Argentina, Portugal e USA. Série: Machins . Continuo juntando material para uma coleção sobre meios de transportes. Recente: Um país um selo. Futuro: Recortes de história postal. Reino dos Sérvios, Croatas e Slavos (1918-1929).
avatar
odilo

Idade : 75
Localização : Florianópolis
Data de inscrição : 20/02/2008

https://sites.google.com/site/procurandoselo/home

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por odilo em Sex Jul 15 2016, 19:08

Esta difícil de decidir?
Então só mais um exemplo.
Bloco Esquadrilha da Fumaça de 2002, emitido em 15/05.
Valor facial R$ 3,30, valor corrigido (IGP-M - 199,10%) R$9,87 e valor de catálogo UF= 7,20 .
Eu penso que não vamos encontrar este  bloco numa filatélica por um preço abaixo de R$ 9,00 !
Simples assim .....

_________________
Coleciono países: Brasil, Alemanha (tudo), Suíça, Argentina, Portugal e USA. Série: Machins . Continuo juntando material para uma coleção sobre meios de transportes. Recente: Um país um selo. Futuro: Recortes de história postal. Reino dos Sérvios, Croatas e Slavos (1918-1929).
avatar
odilo

Idade : 75
Localização : Florianópolis
Data de inscrição : 20/02/2008

https://sites.google.com/site/procurandoselo/home

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por JOSE RENATO em Sex Jul 15 2016, 21:21

Eu só gostaria que o Catálogo fosse menos tendencioso. O Catálogo olha só para o umbigo dos comerciantes filatélicos, seus estoques e "raridades".

Ele não reflete o mercado nacional e  internacional de filatelia.

_________________
José Renato
Ouro Preto - MG

Coleciono: BRAZIL IMPÉRIO 
avatar
JOSE RENATO

Idade : 60
Localização : Ouro Preto - MG
Data de inscrição : 31/05/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Ernane Ferreira em Sex Jul 15 2016, 22:17

Comprei um selo regular netinha por 7,90 reais
cota do catalogo RHM 198,00 reais UF = 3,30
Desconto de 96 % do valor ....
concordo com o Jose Renato



avatar
Ernane Ferreira

Idade : 29
Data de inscrição : 25/01/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por RomeuNatale em Sex Jul 15 2016, 22:25

Não tenho a lista RHM aqui. Mas lembrei de uma "série", Tipos e Profissões, a da moldura fosfirescente. Lá diz: "selo sem fosforescencia de folha inteira". Como assim? Temos de colecionar folhas? Ridículo!
avatar
RomeuNatale

Idade : 60
Localização : Itaguaí/RJ
Data de inscrição : 08/12/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Psique10 em Sab Jul 16 2016, 13:16

Eles não estão nem um pouco preocupados com a filatelia e muito menos com os filatelistas.
avatar
Psique10

Idade : 51
Localização : Ribeirão Claro - Paraná
Data de inscrição : 20/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Convidado em Seg Jul 18 2016, 09:15

O Catálogo é apenas uma referênçia de valores , tudo vai depender da peça.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Convidado em Qua Jul 20 2016, 18:55

Veja este Selo leiloado hoje , é mais ou menos por aí , neste caso atinge um valor considerável por causa do Carimbo.

http://www.ebay.com/itm/MOMEN-BRAZIL-STAMPS-1-USED-550-P1394R-3514-/201622553271?nma=true&si=n6fk2NluEkeA1403U14Az1IZi1U%253D&orig_cvip=true&rt=nc&_trksid=p2047675.l2557

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por diegosalcedo em Sex Dez 23 2016, 18:31

Olá colegas, aqui é o Diego Salcedo de Recife. Aproveitando que estou orientando um TCC na UFPE sobre flutuação econômica representada nos selos postais brasileiros e a dúvida do aluno sobre o que seria Unidade Filatélica (UF), bem como depois de ler o que escreveram neste tópico peço permissão para compartilhar alguns dados históricos que encontrei na minha biblioteca filatélica.

- No Catálogo de Selos do Brasil, 34 ed., 1976 está explicado que esse nome é resultado da aquisição, pela RHM, do ex-catálogo Schiffer (durou 33 anos), do ex-catálogo Martial Dias (durou de 1941 até 1944) e do ex-catálogo Bandeirante (durou de 1937 até 1948).

- Por conta do aumento dos custos de impressão, doravante do papel, no catálogo Schiffer, 33 ed., 1975 está dito que essa edição tinha sido feita em conjunto com a RHM.

- O catálogo Schiffer de 1950, 8 ed. Matriz em São Paulo na Rua Libero Badaró e Filial na Avenida Rio Branco, Rio de Janeiro. Nesta oitava edição está dito que Schiffer adquiriu a Casa Filatélica Bandeirante, a qual publicava o Catálogo Bandeirante, do Sr. José Costa Belo. O último catálogo Bandeirante foi de 1948.

- O catálogo Schiffer mais antigo que tenho é a terceira edição de 1945.

- O catálogo de selos do Brasil mais antigo na minha biblioteca é a do João Luiz da Costa, que fundou na Rua Ourives, Rio de Janeiro, em 1890 a Casa Philatelica. Após 1921 passou a se chamar J. Costa e Filhos. O catálogo chamava-se 'Catálogo de Preços Correntes'. Eu tenho os números 46 (1929) e 50 (1935).

- De todos os catálogos que tenho na biblioteca, a primeira vez que aparece a denominação "Unidade Filatélica" é no Catálogo de Selos do Brasil 1993/94, v. 1 (1798-1890), 49. ed do RHM (4 volumes). Este é o texto, na íntegra, no catálogo: "As cotações são apresentadas em UNIDADES FILATÉLICAS - UF. Cada unidade filatélica vale 1US$ no câmbio turismo ou o seu substituto no primeiro dia útil de cada mês. [...]. A Uf é um indicador atrelado ao câmbio do US$ turismo e não depende, por essa razão, do mercado filatélico. Os descontos e as promoções devem diminuir a cotação do(s) selo(s) e não o valor nominal da UF".

- No Catálogo de Selos Brasil, RHM, 59 ed., 2016, v.1 está escrito, na íntegra: "As cotações são apresentadas em UNIDADES FILATÉLICAS - UF e sugerimos que seja equivalente à cotação da moeda norte americana."

Aproveito, enfim, para solicitar que tenho muito interesse em adquirir, por doação ou compra, literatura filatélica brasileira, sejam catálogos e livros sejam periódicos. Entrem em contato se for o caso. Boas festas. É isso.

diegosalcedo

Data de inscrição : 17/07/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Psique10 em Sex Dez 23 2016, 18:53

Obrigado por explicar e compartilhar. Boas festas para você também.
avatar
Psique10

Idade : 51
Localização : Ribeirão Claro - Paraná
Data de inscrição : 20/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por RomeuNatale em Sex Dez 23 2016, 19:52

O que sempre me deixou com a pulga atrás da orelha é dizerem aquela máxima mecânica de que "o valor do selo é dado pela lei da oferta e da procura". Nada tão falso!

Quer dizer que o selo RHM 274, de 1930, filigrana J, cotação em 2.000 UFs (catálogo de 1989/90) tem um monte de filatelista se engalfinhando para adiquiri-lo? E ninguém vê a hora de adiquirir a famosa carta com a série completa dos Olhos de Bois, cotada a 660.000 UFs?

É muito complicado esse negócio de querer imprimir valores comerciais em peças que são únicas, ou praticamente únicas, no mundo do colecionismo. E muitas únicas eu contesto. Mesmo porque eu duvido que um colecionador que detém uma peça única se livraria dela, a não ser por motivos muito excepcionais, como por exemplo o selo RHM 221h (RHM 1989/90), cotado em 3.000 UFs. O mais engraçado é que existe outro selo único, da mesma época, RHM 456C2 que é cotado a 3.600 UFs e o RHM 436C, cotado a 4.500 UFs. Será que essa diferença é por razão da procura? Porque a oferta é única! Parece que a lógica passou longe dessas cotações malucas.

avatar
RomeuNatale

Idade : 60
Localização : Itaguaí/RJ
Data de inscrição : 08/12/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por JOSE RENATO em Sex Dez 23 2016, 20:41

RomeuNatale escreveu:O que sempre me deixou com a pulga atrás da orelha é dizerem aquela máxima mecânica de que "o valor do selo é dado pela lei da oferta e da procura". Nada tão falso!

Quer dizer que o selo RHM 274, de 1930, filigrana J, cotação em 2.000 UFs (catálogo de 1989/90) tem um monte de filatelista se engalfinhando para adiquiri-lo? E ninguém vê a hora de adiquirir a famosa carta com a série completa dos Olhos de Bois, cotada a 660.000 UFs?

É muito complicado esse negócio de querer imprimir valores comerciais em peças que são únicas, ou praticamente únicas, no mundo do colecionismo. E muitas únicas eu contesto. Mesmo porque eu duvido que um colecionador que detém uma peça única se livraria dela, a não ser por motivos muito excepcionais, como por exemplo o selo RHM 221h (RHM 1989/90), cotado em 3.000 UFs. O mais engraçado é que existe outro selo único, da mesma época, RHM 456C2 que é cotado a 3.600 UFs e o RHM 436C, cotado a 4.500 UFs. Será que essa diferença é por razão da procura? Porque a oferta é única! Parece que a lógica passou longe dessas cotações malucas.


Sem contar as mentiras espelhadas por décadas que viraram VERDADES ABSOLUTAS, como é o caso da quantidade de Olhos de Boi.

Todos os nossos "honestíssimos" comerciantes filatélicos reforçam a mentira que existem algo em torno de 7.000  Olhos de Boi nos 3 valores.

Para quem acompanha os leilões internacionais nos últimos 20 anos sabem que esse número é muito maior. Acredito, baseado nesses Leilões e coleções que esse número é próximo de 40.000 ou mais.

Mas assumir essas quantidades "desvalorizariam" seus estoques...

E sem falar de outras dezenas de lendas urbanas que vivem na memória dos colecionadores.

Apenas para pensar um pouco....

Um abraço,

_________________
José Renato
Ouro Preto - MG

Coleciono: BRAZIL IMPÉRIO 
avatar
JOSE RENATO

Idade : 60
Localização : Ouro Preto - MG
Data de inscrição : 31/05/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por RomeuNatale em Sex Dez 23 2016, 21:04

O Paulo Comelli fez um estudo fantástico dos Olhos de Boi e mostrou uma estatística de quantos ainnda existiam em 2008 (ele faleceu em 2011) e a quantidade é muito maior do que dizem. A não ser que estão sendo trocados todos os meses.

É um escracho. As vezes desanima.
avatar
RomeuNatale

Idade : 60
Localização : Itaguaí/RJ
Data de inscrição : 08/12/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por andreioc em Sab Dez 24 2016, 01:56

diegosalcedo escreveu:Olá colegas, aqui é o Diego Salcedo de Recife. Aproveitando que estou orientando um TCC na UFPE sobre flutuação econômica representada nos selos postais brasileiros e a dúvida do aluno sobre o que seria Unidade Filatélica (UF), bem como depois de ler o que escreveram neste tópico peço permissão para compartilhar alguns dados históricos que encontrei na minha biblioteca filatélica.

- No Catálogo de Selos do Brasil, 34 ed., 1976 está explicado que esse nome é resultado da aquisição, pela RHM, do ex-catálogo Schiffer (durou 33 anos), do ex-catálogo Martial

...................

Aproveito, enfim, para solicitar que tenho muito interesse em adquirir, por doação ou compra, literatura filatélica brasileira, sejam catálogos e livros sejam periódicos. Entrem em contato se for o caso. Boas festas. É isso.

Oi Diego, na filatelia acabamos investindo em selos, classificadores e albuns, material filatelico em geral (como hawid, microscopios, etc) e literatura. Sinceramente se tem algo que comprei e nunca me arrependi (ao contrário) foi literatura filatélica. É uma pena que são dificeis de conseguir e muitas vezes custam caro. E vale a mesma filosofia que muitos tem com relação aos selos: quanto mais antigo melhor. Esta literatura geralmente foi feita por colecionadores MUITO experientes e que tiveram tempo para fazer verdadeiros estudos. Gostaria muito de ver um projeto que visasse digitalizar as obras filatelicas antigas e distribuir na forma digital. Acredito que as mais antigas já são de dominio publico pela lei de direitos autorais.
avatar
andreioc

Idade : 52
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 24/12/2008

http://www.seloshow.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por RomeuNatale em Sab Dez 24 2016, 05:31

Andrei, nós temos um projeto para restaurar toda a história filatélica. Pena que poucos participoam.

http://selosordinariosdobrasil.blogspot.com.br/p/blog-page_86.html
avatar
RomeuNatale

Idade : 60
Localização : Itaguaí/RJ
Data de inscrição : 08/12/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Catálogo RHM 2016 - Cotação Facial x Cotação Colecionador

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum