Aerolloyd Iguassu

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por Fabio Monteiro em Sab Abr 22 2017, 15:24

Correcäo: Leonar näo era gráfica alguma, mas uma marca alemä de papel fotográfico fabricado em Wandsbek (Hamburgo). A fábrica foi fundada em 1895 e vendida à AGFA em 1964, tendo no início do século passado uma excelente reputacäo no mundo inteiro. Obrigado ao sempre atento ahl por apontar o erro e possibilitar sua correcäo.
avatar
Fabio Monteiro

Localização : Alemanha
Data de inscrição : 08/11/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por Fabio Monteiro em Sab Fev 17 2018, 15:31

Depois de um bom tempinho chegou novamente um envelope do Aerolloyd Iguassú:





Saída de S. Paulo no dia 17/7/1934, chegada em Joinville em 20/7/34. Ao ler as datas, pensei por primeiro que se tratava de um fim-de-semana. Mas no calendário lê-se que o 17 de julho foi uma terça, e o 20 de julho, uma sexta-feira. Êta, Brasil!

Segundo o livrinho de Karlheinz Wittig sobre os primeiros voos postais brasileiros até 1949 (K.Wittig: Brasilien – Erstflüge bis 1949, Lohmar 1991), o Aerolloyd começou a voar de S. Paulo a Joinville a partir de 16/2/1934, mas passando sempre por Curitiba. Vai ver que nem sempre havia a conexão imediata pra Joinville, na época. Ou algum incidente atrasou a viagem.
avatar
Fabio Monteiro

Localização : Alemanha
Data de inscrição : 08/11/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por Marcio Javaroni em Ter Maio 29 2018, 11:08

Segundo o acervo do jornal Folha de SP, os voos que saiam de SP para Curitiba a Santa Catarina decolavam ás terças e sextas-feiras.
Embora o dia 17/07 tenha sido uma terça-feira é bem provável que o envelope tenha sido entregue ao agente após o fechamento da mala postal, sendo despachado apenas no próximo voo, que foi exatamente na sexta-feira, dia 20/07.
Assim sendo, nesse caso não houve atraso e nem incidente! rs
avatar
Marcio Javaroni

Idade : 41
Localização : Ribeirão Preto-SP
Data de inscrição : 29/06/2012

http://www.filateliaribeirao.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por ahl em Ter Maio 29 2018, 20:27

Fabio Monteiro escreveu:Depois de um bom tempinho chegou novamente um envelope do Aerolloyd Iguassú:

[...]

Saída de S. Paulo no dia 17/7/1934, chegada em Joinville em 20/7/34. Ao ler as datas, pensei por primeiro que se tratava de um fim-de-semana. Mas no calendário lê-se que o 17 de julho foi uma terça, e o 20 de julho, uma sexta-feira. Êta, Brasil!

Segundo o livrinho de Karlheinz Wittig sobre os primeiros voos postais brasileiros até 1949 (K.Wittig: Brasilien – Erstflüge bis 1949, Lohmar 1991), o Aerolloyd começou a voar de S. Paulo a Joinville a partir de 16/2/1934, mas passando sempre por Curitiba. Vai ver que nem sempre havia a conexão imediata pra Joinville, na época. Ou algum incidente atrasou a viagem.

Boas noites,
Caro Fabio Monteiro,

Em termos genéricos, no plano internacional(!) a correspondência por via aérea não deveria esperar pelo próximo vôo se houvesse outro encaminhamento mais rápido.
Os 500 e poucos km entre S. Paulo e Joinville poderiam levar a pensar, neste contexto, que se a carta em questão perdeu a ligação aérea... provavelmente chegaria primeiro ao destino por via terrestre do que pela próxima ligação aérea.

A franquia postal de 3000 réis afixada no envelope corresponde a uma carta com peso entre 11 e 15g para uma circulação aérea interestadual - 1000 réis cada 5g (1)

Assim sendo... quiçá só através dos horários das partidas e chegadas dos aviões conjugados com as últimas tiragens do correio seja possível despistar estas hipóteses.

(1) - Cf. Decreto nº24.226 de 11 de Maio de 1934
avatar
ahl

Localização : Portugal
Data de inscrição : 30/12/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por Fabio Monteiro em Qua Jun 06 2018, 05:12

Obrigado pelas observacöes, muito pertinentes, de Marcio e ahl. Encontrei, no Correio Paulistano de 15 de fevereiro de 1935, a informacäo de que o aviäo do Aerolloyd saía às 10 da manhä e fechava sua mala postal já às 9hs. Se pressupormos que o horário näo tenha mudado de julho de 1934 até entäo, temos aqui um reforco para a a hipótese do Marcio, de que a carta foi carimbada (em 17/7/34) depois do fechamento da mala e tomou um chá-de-gaveta até o dia 20.

A notícia do Correio Paulistano é interessante, por tratar de um caso semelhante ainda mais grave:



Aqui, o próprio diretor regional da ECT em SP responde a uma reclamacäo sobre uma carta expressa postada em SP que atrasou pelo menos uma semana até chegar ao destinatário em Curitiba.

É claro que nem a explicacäo do diretor está muito convincente, por conter duas versöes para o atraso. Na primeira delas (contada ao freguês que fora se queixar nos correios), a carta teria partido, uma semana após a postagem, por "via terrestre" a Santos, de lá de aviäo da Condor pra Paranaguá, para entäo seguir - provavelmente de novo em trem - para Curitiba.

Já na segunda explicacäo, a carta partiu no próximo aviäo da Aerolloyd Iguassu para Curitiba, quatro dias depois da postagem, sem mais detalhes. Mas o diretor declara que a "culpa pelo encaminhamento dessa correspondencia cabe exclusivamente ao reclamante".

Donde se conclui que o freguês näo tem razäo, já naqueles tempos. E que o encaminhamento da correspondência nem sempre seguia as determinacöes estabelecidas.

Mas näo é de se admirar que o Aerolloyd Iguassu foi catarata abaixo. Além das lambancas postais, a aeronave só podia transportar 2-3 passageiros por viagem. Com essa rentabilidade näo podia dar certo mesmo. E sabem onde estavam as aeronaves durante certos fins-de-semana?



Posando com as meninas no litoral paranaense, como nesta foto de 1938, em Matinhos. Êta, Brasil!
avatar
Fabio Monteiro

Localização : Alemanha
Data de inscrição : 08/11/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por Gnobre em Qua Jun 06 2018, 07:22

Parabéns ao Marcio Javaroni, ahl, Fábio Monteiro e demais pelos comentários e pesquisas. Estou aprendendo bastante.

Surgiu-me uma dúvida: o que acham que efetivamente naquela época significava dizer que uma carta era expressa?
Abraços,
avatar
Gnobre

Idade : 48
Localização : Montes Claros - MG
Data de inscrição : 04/11/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por ahl em Qua Jun 06 2018, 20:12

BOAS NOITES

Gnobre escreveu:Parabéns ao Marcio Javaroni, ahl, Fábio Monteiro e demais pelos comentários e pesquisas. Estou aprendendo bastante.

Surgiu-me uma dúvida: o que acham que efetivamente naquela época significava dizer que uma carta era expressa?
Abraços,

Caro Gnobre,

Correspondência expressa
"[...] expressa, a que deve ser entregue por portador especial, logo que chegue ao Correio de destino."
Artº16, e), 5º do decreto nº14:722 de 16 de Março de 1921
http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1920-1929/decreto-14722-16-marco-1921-529287-publicacaooriginal-1-pe.html

Nota - Ver também o artº 76 sobre a taxa a pagar, etc, etc.
avatar
ahl

Localização : Portugal
Data de inscrição : 30/12/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por Gnobre em Qua Jun 06 2018, 21:59

Caro ahl,

Muito obrigado pela explicação, e ainda por cima com a referencia da legislação. cheers cheers cheers

Obrigado,

avatar
Gnobre

Idade : 48
Localização : Montes Claros - MG
Data de inscrição : 04/11/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aerolloyd Iguassu

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum