INGLATERRA - 2ª GUERRA MUNDIAL: CRUZADOR MERCANTE ARMADO RAWALPINDI, ÚLTIMO ATO DE CORAGEM - 1939!!!

Ir em baixo

INGLATERRA - 2ª GUERRA MUNDIAL: CRUZADOR MERCANTE ARMADO RAWALPINDI, ÚLTIMO ATO DE CORAGEM - 1939!!!

Mensagem por Antonio C. Pulsy em Sab Nov 17 2018, 15:45

Compartilho com os colegas, "Cruzador Mercante Armado Rawalpindi, Último Ato de Coragem - 1939".


                                                CRUZADOR MERCANTE ARMADO
                                           RAWALPINDI, ÚLTIMO ATO DE CORAGEM.
                                 
O AMC Rawalpindi era um cruzador mercante armado britânico, um navio de passageiros convertido e destinado a atacar e afundar navios e submarinos inimigos, que foi afundado em uma batalha contra os navios de guerra alemães DKM Scharnhorst e DKM Gneisenau, durante os primeiros meses da Segunda Guerra Mundial. Seu capitão era Edward Coverley Kennedy. O navio começou a operar como transatlântico SS Rawalpindi da Peninsular and Oriental Steam Navigation Company e construído pelos estaleiros Harland & Wolff Greenock, tendo 16.697 toneladas. Foi lançado ao mar em 26 de março de 1925 por Lady Birkenhead, esposa de F.E. Smith, 1º Conde de Birkenhead, e entrou para a frota da P & O em setembro do mesmo ano. Ele foi nomeado em homenagem à cidade de Rawalpindi, uma guarnição britânica baseada no que é hoje o Paquistão. Ele podia transportar 307 passageiros na Primeira Classe e 288 na Segunda Classe, e estava empregado na rota Londres a Bombaim. O transatlântico SS Rawalpindi foi requisitado pelo Almirantado britânico em 26 de agosto de 1939 e convertido num cruzador mercante armado (AMC= Armed Merchant Cruiser), após a retirada de uma de suas chaminés foi armado com oito canhões de 150 mm, dois canhões de 76 mm e 20 metralhadoras antiaéreas. Ele iniciou suas operações a partir de outubro de 1939 na patrulha do norte, cobrindo a área em torno da Islândia. Em 19 de outubro, no Estreito da Dinamarca, o AMC Rawalpindi interceptou o petroleiro alemão DKM Gonzenheim de 4.574 toneladas que havia deixado o porto de Buenos Aires em 14 de setembro. O petroleiro foi afundado por sua tripulação, antes que uma equipe de embarque pudesse abordá-lo. Enquanto patrulhava o norte das Ilhas Faroe em 23 de novembro de 1939, ele foi investigar um possível avistamento inimigo e sua descoberta fe-lo deparar-se com os dois mais poderosos navios de guerra alemães, os navios de guerra DKM Scharnhorst e DKM Gneisenau, que vinham realizando uma varredura entre a Islândia e as ilhas Faroe, atacando os navios mercantes britânicos. O AMC Rawalpindi conseguiu informar a localização dos navios alemães à sua base. Apesar de estar em grande desvantagem, o capitão de 60 anos, Edward Coverley Kennedy, decidiu lutar em vez de se render como exigido pelos alemães. Ele foi ouvido dizer "Nós vamos lutar contra os dois, eles vão nos afundar, e vai ser isso. Adeus." Depois de um bombardeio intenso de treze minutos, o navio começou a afundar e desapareceu completamente após 40 minutos. Antes disso acontecer, conseguiu acertar um disparo no DKM Scharnhorst, o que causou pequenos danos na sua blindagem. 238 marinheiros morreram em razão do afundamento do AMC Rawalpindi, incluindo o capitão Kennedy. Trinta e sete marinheiros foram resgatados pelos navios alemães, outros 11 foram apanhados pelo AMC Chitral, outro navio de passageiros convertido num cruzador mercante armado. O capitão Kennedy - pai do oficial naval, radialista e escritor Ludovic Kennedy - foi postumamente mencionado nas ordens do dia por seu ato de bravura, a maior honra possível nas circunstâncias da época. Membros da tripulação do DKM Scharnhorst e DKM Gneisenau foram designados para a frota de alto mar por participarem do naufrágio do AMC Rawalpindi. O AMC Rawalpindi foi um dos navios da classe "R" da P & O de 1925 que tiveram grande parte de seus interiores projetados pela filha do Lord Inchcape, Elsie Mackay. Seus irmãos gêmeos, SS Ranchi, SS Ranpura e SS Rajputana também foram convertidos em cruzadores mercantes armados/AMC pelo Almirantado britânico.



FDC 35 ANOS AFUNDAMENTO AMC RAWALPINDI - 23/11/1939.


CINQUENTENÁRIO DO AFUNDAMENTO DO AMC RAWALPINDI.


CP SS RAWALPINDI, NAVIO DE PASSAGEIROS.


NAVIO TANQUE ALEMÃO DKM GONZENHEIM.


PINTURA AFUNDAMENTO AMC RAWALPINDI, CONFORME RELATOS SOBREVIVENTES.


SS CHITRAL COMO NAVIO DE PASSAGEIROS.


AMC CHITRAL.


SOBREVIVENTES DO AMC RAWALPINDI EM LONDRES.
JORNAL DAILY POST, 30/11/1939.


PLACA EM MEMÓRIA AO CAPITÃO KENNEDY.


PLASTIMODELISMO SS RAWALPINDI NAVIO DE PASSAGEIROS.


AMC RAWALPINDI, RÉPLICA NO IMPERIAL WAR MUSEUM, LONDRES.
avatar
Antonio C. Pulsy

Idade : 62
Localização : Canoas/RS.
Data de inscrição : 24/04/2014

http://antonio.pulsy@bol.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum